009


o vacilante Fernando Rosa
25 de março de 2010, 9:37 pm
Filed under: Texto | Tags: ,

Eu é que.. ah, eu não falo disso, eu.. acho que não gostava muito dele.

Foi um tal negócio que, podem dizer que é bobagem, mas foi um negócio que me pegou.

Ele matou um passarinho. Maldade, maldade de menino. E eu dei-lhe uma surra, mas uma surra que a mãe ficou que olhando torto por um mês.

E ele jurava de pé junto que não tinha sido ele. Eu não acreditei. Eu não sei, se foi, se não foi, não faz mais diferença.

O que me incomoda é outra coisa: se, se!, eu tivesse acreditado nele, aí sim, seria outra história, totalmente diferente. Quem sabe.

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: